BLOG

Blog para Empreendedores

Holding: por que é considerada uma empresa mãe?

Holding

Uma empresa do tipo Holding é uma sociedade, que funciona como gestora, exercendo controle em outras empresas subsidiárias. A Holding é considerada empresa-mãe porque exerce a função de domínio e controle, assim como as mães fazem sobre seus filhos.

Hoje vamos explicar melhor o motivo de se considerar a holding, assim como alguns outros detalhes acerca da atividade corporativa do empreendimento. Qualquer dúvida que tenha, saiba que pode falar conosco aqui na Gumz a fim de aclarar suas questões.

Holding e seu objeto social

Por definição, o objeto social de uma holding é participar de outras companhias. Podem existir alguns tipos de Holding, esses que se apresentam como:

  • Pura: que tem participação em outra empresa e seu propósito é tão somente esse – participar;
  • Mista: que tem tanto participação em outra empresa quanto deseja participar de outras sociedades, exercendo atividades operacionais elencadas como uma atividade econômica (idealmente listada na CNAE);
  • Familiar: que procura controlar várias atividades empresariais com o objetivo principal de ter um planejamento sucessório familiar, facilitar a passagem de propriedade e de liderança das empresas dentro do núcleo familiar.

E existem várias outras, que atendem aos mais diversos objetivos e que pretendem suprir diferentes necessidades das empresas e seus gestores.

Mas, o que é uma empresa Holding?

Se você não conseguiu compreender bem o que significa e o que implica a existência de uma holding, vamos explicar de onde vem seu nome: Holding vem de “Hold” um verbo da língua inglesa que significa segurar. Então, tal qual uma matriarca, essa empresa mãe vai segurar aquelas que estão abaixo dela, tendo um vínculo com as mesmas, centralizando-as e criando um fio condutor que permeia a todas.

A intenção principal de uma holding é então estruturar empresas subsidiárias em um único complexo, ligar as mesmas a um centro comum e tornar mais prática a tomada de decisões.

Quais as vantagens e desvantagens?

Como é de se imaginar, a partir de uma holding, é possível contar com maior controle patrimonial e proteção do patrimônio em si, evitando litígios judiciais, conseguindo administrar de forma mais centralizada todos os investimentos e garantindo ainda uma menor tributação de rendimentos.

Por outro lado, existem alguns pontos de atenção, como a não execução perfeita da organização interna, como a efetiva proteção patrimonial ou criação de um planejamento sucessório.

O maior risco que se impõe a uma holding é, em resumo, a não execução dos elementos que pautam a boa saúde de uma empresa desse tipo. E, para lhe acompanhar e garantir que você não se encontrará com as desvantagens de uma holding mal constituída, convidamos você a uma conversa.

Que tal obter assessoria desde o começo de sua Holding?

Se você tem objetivo de gozar de todos os benefícios que listamos acima, e quer ter todo cuidado necessário para esse tipo de empresa, converse conosco aqui da Gumz e garanta que terá uma assessoria capaz de lhe guiar em suas decisões empresariais no que concerne à gestão do seu negócio.

Esperamos seu contato desde já. Um grande abraço e até mais.

Sobre a GUMZ

Logo-Gumz-Contabilidade-Sem-Texto

A Gumz Contabilidade e Consultoria Empresarial está no mercado desde 1978, temos mais de 500 clientes e 65 pessoas na equipe. Realizamos os serviços: contabilidade, gestão fiscal, gestão trabalhista e previdenciária, gestão societária, BPO financeiro, IRPF, controle de investimentos na bolsa de valores, consultorias e treinamentos. Entre em contato!

Deixe um comentário